Papo de Polícia

CompartilharTweet about this on TwitterShare on Google+Share on Facebook

Quem está por trás da farda?

O Papo de Polícia revela o íntimo de quem carrega o peso da farda. O programa mostra a realidade crua do cotidiano policial, desde a tensão das incursões em áreas de conflito, até os momentos mais calmos e pessoais. Assim, a série mostra a força, as convicções, a fé e até as dúvidas de pessoas

A serie foi criada e produzida pela produtora de audiovisual do AfroReggae. O Papo de Polícia foi ao ar em fevereiro de 2011, no Multishow, e trouxe à tona o ponto de vista das forças policiais a partir de personagens complexos e situações intensas. Após quatro temporadas, o programa segue com sua receita de sucesso, um roteiro aberto, doses de adrenalina misturadas com depoimentos pessoais e cobertura de operações policiais na linha de frente.

A 6ª temporada –

Produzida pela AfroReggae Audiovisual,  a 6ª temporada será exibida em sete episódios, em julho, no Multishow. Fábio Bopp, policial civil, paulistano de 49 anos, será o protagonista do reality. Formado em educação física, casado e pai de três filhos, el está há 28 anos na corporação e é chefe de investigação do Grupamento Especial de Reação (G.E.R). O grupamento de elite, conta com 35 policias especialmente treinados para ações antiterrorismo, sequestros e cumprimentos de mandados de alta periculosidade, em apoio às principais delegacias do estado de São Paulo.

 

A 5ª temporada –

Sua farda é preta, seu armamento pesado e ele é um soldado do Batalhão de Operações Especiais. Mas sua arma mais poderosa não é aquela que dispara tiros, é aquela que desarma pessoas. Higor Vírginio, 33 anos, nascido e criado em uma favela carioca, é o protagonista desta temporada de Papo de Polícia.

 4ª temporada – Defendo as fronteiras do país

Na quarta temporada, que estreou dia 05 de maio de 2014, no canal Multishow, o programa mostra o cotidiano dos agentes Rafael Ramos, 31 anos, e Márcio Bouzas, 37, dois policiais federais que trabalham no combate ao tráfico de drogas e contrabando em Foz do Iguaçu, na fronteira com o Paraguai.

3ª temporada – Batom no caveirão

Adrenalina. Paixão. Justiça. Sensibilidade feminina. A vida intensa e apaixonada da policial militar Flávia Louzada, 32 anos, solteira, sem filhos, nascida e criada no subúrbio do Rio de Janeiro. Segundo ela, que sonha em entrar para o Batalhão de Operações Especiais (BOPE), uma tragédia pessoal foi determinante para a escolha de sua profissão: “o tiro que matou a minha mãe fez nascer a policial Louzada”.

 

 

2ª temporada – Dois sargentos, duas cidades e uma missão

 

A segunda temporada do Papo de Polícia colocou lado a lado o pastor e policial militar Silvano Oliveira, da Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (ROTAM), e Sérgio Dantas, do Batalhão de Operações Especiais (BOPE). Durante os sete episódios, Dantas viveu a rotina das operações comandadas por Oliveira, na região metropolitana de Belém.

gf

1ª temporada – Um policial no Complexo do Alemão

 

A primeira temporada do Papo de Polícia acompanha a vida do inspetor da Polícia Civil Beto Chaves, que morou por uma semana no Complexo do Alemão, em fevereiro de 2011, após a retomada da região pelas forças do Estado. Sem revelar sua identidade, ele conversou com moradores, comerciantes, militares e ex-traficantes.